Menu

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Divergente - Veronica Roth

LIVRO - DIVERGENTE


Título: Divergente
Título Original: Divergent
Número de Páginas: 504
Autor: Veronica Roth
Editora: Rocco

      Numa Chicago futurista, a sociedade se divide em cinco facções Abnegação, Amizade, Audácia, Franqueza e Erudição e não pertencer a nenhuma facção é como ser invisível. Beatrice cresceu na Abnegação, mas o teste de aptidão por que passam todos os jovens aos 16 anos, numa grande cerimônia de iniciação que determina a que grupo querem se unir para passar o resto de suas vidas, revela que ela é, na verdade, uma divergente, não respondendo às simulações conforme o previsto. A jovem deve então decidir entre ficar com sua família ou ser quem ela realmente é. E acaba fazendo uma escolha que surpreende a todos, inclusive a ela mesma, e que terá desdobramentos sobre sua vida, seu coração e até mesmo sobre a sociedade supostamente ideal em que vive.


OS TESTES NÃO PRECISAM MUDAR NOSSAS ESCOLHAS.

     Com uma trama bem amarrada, a jovem autora Veronica Roth, traz um livro distópico que é bem aproximado de ideias de outras sagas, como Jogos Vorazes. 

      A protagonista, Tris, não é trabalhada de forma abrangente, deixando muito a desejar em partes cruciais do livro. O seu romance com Tobias deixa a história muitas vezes arrastada, porém, as soluções que Roth encontra pra solucionar os problemas do clímax são bem interessantes.

      Em um momento em que vivemos a carência de sagas bem construídas, que passem uma mensagem significativa para qualquer adolescente, Divergente é o livro que pode lhe prender em sua história futurista, que em alguns momentos é quebrado por situações mirabolantes e desnecessárias.



Resenha escrita por Bruno

4 comentários:

  1. Oi, adorei a resenha, já li o livro e gostei muito, os outros volumes deixam um pouco a deseja, mas mesmo assim é uma trilogia que está no meu coração.
    Abraços
    http://litaralmentelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo exatamente contigo, porém, o primeiro me deixou um poucou entendiado em certas partes.

      Abraços.

      Excluir
  2. adorei sua resenha, se bem que nao concordo com ela em alguns de seus pontos, mas do mesmo jeito gosto eh gosto ne?!
    tonsdeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lud! Isso é normal! Houveram alguns momentos em que o livro me desapontou um pouco, mas faz parte!

      Abraços!

      Excluir