Menu

quarta-feira, 27 de maio de 2015

Memórias Póstumas de Brás Cubas - Machado de Assis

 LIVRO - Memórias Póstumas de Brás Cubas

Título: Memórias Póstumas de Brás Cubas
Número de Páginas: 310
Autor: Machado de Assis
Editora: Ateliê Editorial

Esta é a grande vantagem da morte, que, se não deixa boca para rir, também não deixa olhos para chorar...


      Memórias Póstumas de Brás Cubas, é mais que uma das obras mais consagradas da história da Literatura Brasileira, e sim uma das mais escritas mais antigas e modernas que já existiu. Apesar da linguagem difícil que o autor (Machado de Assis) implanta no decorrer dos capítulos, o leitor pode observar o quanto a ironia, a sátira e as metáforas são muito bem orquestradas.

      O solteirão e galanteador, Brás Cubas, começa a contar sua história a partir de sua morte. Já um homem de idade, começa a narrar o livro como um defunto autor mesmo sendo um autor defunto. As memórias vão sendo comentadas e separadas por capítulos pequenos, mas que apresentam diversos detalhes.

      Machado de Assis tem uma grande características de construir personagens com personalidades muito bem construídas, isso se compara as situações que ele tece. Muitas cenas em que Brás comenta sobre Virgília, a pressão do pai para que ele seja um homem de importância em uma vida política, as personalidades acabam sendo trabalhadas de forma abrangente.

      É um livro incrivelmente marcante. A importância que tem é imensurável, uma obra que Machado de Assis nos deixou para aclamarmos para sempre. Uma leitura obrigatória.


Resenha escrita por Bruno

Um comentário:

  1. Oláaa,
    Eu gosto bastante da nossa literatura, porém ainda não tive oportunidade de ler esse livro. Mas já está programado tudo certinho e vou ler esse ano por conta da escola! Espero gostar do livro, coisa que acho que vai acontecer :D
    Gostei do blog, já estou seguindo *-*
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir